Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

27% 27% [ 12 ]
11% 11% [ 5 ]
11% 11% [ 5 ]
50% 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Novo Código de Ética Médica chega com polêmicas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Novo Código de Ética Médica chega com polêmicas

Mensagem por Daniela em Qua 14 Abr 2010, 11:46


Após mais de dois anos de debates, entrou em vigor esta semana o novo Código de Ética Médica. O documento foi aprovado antes de decisão na Justiça sobre pontos polêmicos por comparação ao homicídio, como a possibilidade de praticar ortotanásia, termo utilizado por médicos para definir a morte natural, sem interferência da ciência, permitindo ao paciente uma morte digna e sem sofrimento, deixando livre a evolução da doença.
Segundo o presidente da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Uberaba (SMCU), Sandro Penna, o código só oficializou uma recomendação que já era adotada pela maioria dos médicos por senso comum. “Isto serve ao paciente com doença avançada, morte cerebral ou câncer em estado terminal, que não tem nenhuma condição de melhora. O médico pode não utilizar a ciência para prolongar a vida dele e o sofrimento da família, já que está comprovado por exames que isso não vai mudar nada”. Ou seja, que evitem exames ou tratamentos desnecessários. A medida não é para negar assistência. É uma recomendação.
Para Sandro, isso é um alerta para que os médicos evitem exames que só vão onerar, mas que não vão trazer nenhum benefício. “Além disso, prevê que os médicos apresentem outras alternativas de tratamentos, comprovados, testados e aprovados pelo Conselho Médico, para o tratamento de problemas como o rompimento de ligamentos, por exemplo, com fisioterapia, sem que seja necessário partir direto para uma cirurgia invasiva, com riscos e custos”, afirma.
Outros pontos do documento visam a acabar com a mercantilização da medicina, proibindo, por exemplo, a realização de consórcios cirúrgicos ou da concessão de descontos em medicamentos. Segundo o texto, a prática revela conflito de interesses. Por isso, prevê ainda a proibição de o médico participar de propagandas vinculando sua imagem a laboratórios e medicamentos. Também não será permitido o recebimento de bônus graças à indicação de determinado produto ou farmácia.
Sandro Penna destaca que essa prática induz a pessoa a usar um medicamento que pode não ser tão bom para o paciente “ou mesmo usá-lo em excesso, por confiança no médico que faz a propaganda. O que pode ser prejudicial”. E diz mais: “o médico deve receitar um remédio por ser comprovado pela medicina e por ser eficaz, não porque recebe benefícios do laboratório”. Quanto aos consórcios, Penna alerta que o médico pode dar seu preço. “Mas com essa comercialização corre-se o risco de facilitar o acesso das pessoas a cirurgias às quais elas não têm indicação”, frisa.
Fonte: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Gostei das novas medidas adotadas e espero que sejam mantidas. O que acham?


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Fique por dentro das novidades do fórum em [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.].
Já pensou em ter seu próprio espaço aqui? Então crie teu [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]!
avatar
Daniela
Idealizadora
Idealizadora

Feminino Sagitário Galo
Primaveras Primaveras : 36
Mensagens Mensagens : 1099

http://cantinhodaeris.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Novo Código de Ética Médica chega com polêmicas

Mensagem por Gustavo em Qui 15 Abr 2010, 09:03

Tá certo! Mas ainda faltou umas coisas aí.
avatar
Gustavo
Diplomata
Diplomata

Masculino Libra Galo
Primaveras Primaveras : 36
Mensagens Mensagens : 202

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum