Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

27% 27% [ 12 ]
11% 11% [ 5 ]
11% 11% [ 5 ]
50% 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Pesquisa revela que falta de desejo atinge muito mais mulheres do que se imagina

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pesquisa revela que falta de desejo atinge muito mais mulheres do que se imagina

Mensagem por Daniela em Qui 24 Jun 2010, 10:16

Um raio-x da vida sexual da mulher brasileira mostrou que a maior preocupação delas é a não satisfação do parceiro (45,4%), seguida da contaminação com doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) 44%) e uma gravidez não planejada (41,9%). Não ter orgasmo está em quarto lugar, mas é uma questão que preocupa muito mais as mulheres (32,5%) do que os homens (14,9%). Para a médica psiquiatra Carmita Abdo a inibição do desejo sexual é uma queixa muito mais feminina do que masculina. "A mulher aprende a atingir o orgasmo com o tempo, chega à maturidade no auge e presencia a redução da libido no envelhecimento", salientou a especialista, uma das palestrantes do 1º Fórum Brasileiro de Sexualidade Feminina que aconteceu entre os dias 17 e 18 deste mês em São Paulo.

O Estudo da Vida Sexual do Brasileiro (EVSB), coordenado pela psiquiatra Carmita Abdo, do Programa de Estudos em Sexualidade (ProSex) do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, foi feito com sete mil pessoas de ambos os sexos, maiores de 18 anos em 13 estados brasileiros em 2003 e atualizada em 2008. "A conclusão a que chegamos é que de 49% a 50% das mulheres brasileiras têm pelo menos uma dificuldade sexual ao longo da vida, o que é um número muito alto. Significa que metade da população feminina não está satisfeita com a sua sexualidade", frisou Carmita. Segundo a Organização Mundial de Saúde o sexo é um dos quatro pilares da qualidade de vida além da satisfação com o trabalho, a convivência com a família e o exercício do lazer.

"Hoje em dia há a Ditadura do Orgasmo, as pessoas fazem sexo focadas no fim, no resultado. Há um orgasmo mitificado, cobrado das mulheres. Elas inclusive mentem para não se sentirem discriminadas", observou Gerson Lopes, ginecologista e presidente da Comissão Nacional de Sexologia da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), também palestrante do evento.

Entre os principais problemas que comprometem a qualidade da vida sexual foram citados pelas mulheres dificuldade de excitação (26,6%), dificuldade para o orgasmo (26,2%), dor na relação sexual (17,8%) e desejo sexual hipoativo (9,5%). Entretanto, apenas 5,4% delas afirmaram ter feito tratamento para dificuldades sexuais. Na opinião do médico, baseado em sua experiência clínica, esta obrigação e o fato de não chegar ao orgasmo trazem consigo uma série de consequências ruins. "Ela perde o desejo para não ter que viver a experiência do fracasso, para não se sentir frustrada. A disfunção sexual pode até ser causada por substâncias ou doenças como diabetes, depressão e as flutuações de desejo são normais. Mas a angústia persistente deve ser investigada".
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Fique por dentro das novidades do fórum em [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.].
Já pensou em ter seu próprio espaço aqui? Então crie teu [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]!
avatar
Daniela
Idealizadora
Idealizadora

Feminino Sagitário Galo
Primaveras Primaveras : 35
Mensagens Mensagens : 1099

http://cantinhodaeris.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum