Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

27% 27% [ 12 ]
11% 11% [ 5 ]
11% 11% [ 5 ]
50% 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Viagra associado a risco elevado de DST

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Viagra associado a risco elevado de DST

Mensagem por Daniela em Qua 07 Jul 2010, 13:10

Homens de meia idade que tomam medicamentos para disfunção erétil, como o Viagra, estão mais propensos a terem doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), revela um estudo realizado com mais de 1.4 milhão de homens.

Pesquisadores do Hospital Geral de Massachusetts e da Universidade do Sul da Califórnia disseram que a culpa não está no medicamento, mas sim no comportamento de risco dos homens que os tomam. E os médicos deveriam aconselhar esses pacientes sobre práticas de sexo seguro.

Pequenos estudos com homossexuais já tinham associados o uso de remédios contra disfunção erétil a comportamento de risco elevado e índices maiores de DSTs.

Mas o novo estudo, publicado no dia 6 de julho na “Annals of Internal Medicine”, é tido como o primeiro a ter uma amostra grande e representativa, focada em homens mais velhos. Os pesquisadores investigaram a sexualidade dos homens incluídos no estudo.

“Clínicos gerais e médicos de família geralmente não falam sobre práticas de sexo seguro e isso porque, em parte, as taxas de DSTs são bem menores nos homens mais velhos do que em homens mais jovens, na ordem de um para mil indivíduos”, disse o autor do estudo, Anupam B. Jena, um médico residente do Hospital de Massachusetts.

“Nosso estudo sugere que identificar o uso de medicamentos contra disfunção erétil já é suficiente para apontar um risco duas ou três vezes maior de DSTs”.

Jena e seus co-autores examinaram registros de seguros de saúde dos Estados Unidos entre 1997 e 2006. O estudo coletou dados de aproximadamente 34 mil homens que usavam remédios contra disfunção erétil e de outros 1.37 milhão de homens com mais de 40 anos que não usavam essas medicações.

A chance maior de ter DSTs foi identificada em dois momentos: um ano antes e um ano depois dos homens começarem a usar remédios para ereção. A DST mais frequentemente reportada foi a AIDS, seguida pela clamídia.

A pesquisa não revela se o uso de remédios para ereção aumenta o risco de DST – essa constatação é baseada na associação entre o uso das medicações e o comportamento de risco dos homens. Mas Jena disse que ele e seus colegas estão realizando outro estudo para verificar a nova hipótese.

O uso de medicamento para tratar disfunções eréteis cresceu significativamente desde o surgimento do sildenafil (Viagra), em 1998. E estudos recentes descobriram que o homem com mais de 50 anos está muito menos propensos que os homens jovens a usar preservativos, de acordo com informações de apoio do estudo.

“A pesquisa confirma o que suspeitávamos, que os homens que tomam medicamentos para disfunção erétil também fazem parte de um grupo de alto risco, no qual a atividade sexual será aumentada”, disse Peter Leone, um professor de medicina da Universidade do Norte da Carolina. “Então, não é a medicação que leva ao comportamento, é realmente o contrário”.

A descoberta sugere uma necessidade de mais responsabilidade em prescrever esses remédios, acrescentou Leone. “Médicos precisam perceber que esses pacientes precisam de exames para diagnóstico de DSTs constantemente, a menos que eles usem preservativos regularmente ou tenham um relacionamento monogâmico”.
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Fique por dentro das novidades do fórum em [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.].
Já pensou em ter seu próprio espaço aqui? Então crie teu [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]!
avatar
Daniela
Idealizadora
Idealizadora

Feminino Sagitário Galo
Primaveras Primaveras : 36
Mensagens Mensagens : 1099

http://cantinhodaeris.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum