Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

27% 27% [ 12 ]
11% 11% [ 5 ]
11% 11% [ 5 ]
50% 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Mulheres lideram as decisões sobre o divórcio, dizem especialistas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mulheres lideram as decisões sobre o divórcio, dizem especialistas

Mensagem por Novato em Sex 30 Jul 2010, 12:11

Visto como um casal modelo, o ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Al Gore, e sua mulher, Tipper, anunciaram a separação após 40 anos de casados. Gore e Tipper, típico retrato do "american way of life", engrossam a lista da nova geração que recomeça a vida após um relacionamento maduro.

O tema vem sendo alvo de pesquisas e livros, entre eles, "Começar de Novo - o Divórcio na Terceira Idade" (Rocco), da jornalista americana Deirdre Bair. Entre 2004 e 2006, ela ouviu 394 pessoas - 126 homens, 184 mulheres e 84 filhos adultos - de diversas cidades dos Estados Unidos e do exterior. No final das contas, observou o que se vê também por aqui: a mulher é quem toma a iniciativa pela separação.

No Brasil, as mulheres maduras estão investindo em relacionamentos afetivos. Segundo pesquisa do IBGE, as brasileiras na faixa de 40 a 44 anos estão se casando mais. O instituto constatou um aumento de quase 220%, entre 1997 e 2008.

A jornalista e historiadora Marcia Camargos viveu a separação em dois momentos de sua vida, aos 28 e aos 40 "e muitos" anos. "Aos 20 e sem filhos, você tem a vida pela frente, nem todos os seus amigos estão casados e é mais fácil encontrar um parceiro. Aos 40 ou 50, o casal tem uma história de muitos anos juntos, permeada pela identidade social, cultural e emocional. Uma ruptura arranca a pele. O frescor da juventude se foi, mas há quem dê valor a outros atributos, como a sua experiência de vida e a sexualidade plena. Talvez por isso a mulher madura desperte o interesse de homens mais jovens e culturalmente refinados", opina Marcia, que é mãe de um casal de filhos de 18 e 20 anos.

Casada durante 22 anos e separada há 3, Marcia resolveu escrever um livro sobre o assunto - "Separar Depois dos 40", da Panda Books -, pincelando experiências pessoais com depoimentos de outras mulheres maduras e de diferentes profissões. "Nenhuma delas disse que se arrependeu e a maioria tomou a iniciativa para a separação", conta.

Para Ana Cláudia Simão, psicoterapeuta sexual, nem casamento nem divórcio é garantia de felicidade. "Tudo vai depender do modelo de casamento ou do que se planeja com a separação. A mulher idealiza demais. Seja qual for a situação, o importante é ser realista", comenta.

Em 30 anos de consultório, observa que, em 90% dos casos, a iniciativa da separação é da mulher. "Os homens, em especial os mais velhos, não sabem se cuidar. Eles saem da casa da mãe e procuram no casamento alguém que continue cuidando deles. Se a relação está deteriorada, empurram com a barriga. Já a mulher não é hipócrita e sai em busca do equilíbrio, harmonia e mudanças de objetivos de vida que lhe tragam prazer."

Uma das queixas mais frequentes delas é a imposição social e cultural das tarefas domésticas e educação dos filhos. Com o passar dos anos, essa sobrecarga vai se acumulando, como uma válvula de pressão. "O homem ainda não internalizou que a casa é dele, a comida é dele, a roupa é dele, e que os filhos também são dele. E ainda reclamam que a mulher está sempre cansada e que não está a fim de sexo!"

Quanto aos filhos, o que importa não é o divórcio em si, afirma, mas a forma como se dá o processo. "Caso o assunto tenha sido exposto de forma clara e tranquila, a aceitação é melhor. Os filhos não acham que casamento de fachada é sinônimo de aprendizado. Se o casal insiste em manter as aparências, eles acabam repetindo esse modelo de relacionamento no futuro."
Fonte: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
Novato
Notificador
Notificador

Masculino Libra Cabra
Primaveras Primaveras : 26
Mensagens Mensagens : 229

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum