Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Fórum Sexualidade
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Injecção antilésbica I_icon17Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Injecção antilésbica I_icon17Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Injecção antilésbica I_icon17Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Injecção antilésbica I_icon17Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Injecção antilésbica I_icon17Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Injecção antilésbica I_icon17Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Injecção antilésbica I_icon17Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Injecção antilésbica I_icon17Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Injecção antilésbica I_icon17Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

Injecção antilésbica Voteesq27%Injecção antilésbica Votedir 27% [ 12 ]
Injecção antilésbica Voteesq11%Injecção antilésbica Votedir 11% [ 5 ]
Injecção antilésbica Voteesq11%Injecção antilésbica Votedir 11% [ 5 ]
Injecção antilésbica Voteesq50%Injecção antilésbica Votedir 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Injecção antilésbica

Ir em baixo

Injecção antilésbica Empty Injecção antilésbica

Mensagem por sexyboy em Qui 05 Ago 2010, 10:23

Conceituada e premiada endocrinologista, Maria New acaba de se autoproclamar como a guardiã da heteronormatividade nos Estados Unidos da América: graças a uma injecção de estrogénio dada a grávidas, quer impedir que as futuras filhas destas sejam lésbicas.

Com o tratamento "anti-filha lésbica", New quer difundir a actividade do Hospital Monte Sinai, impossibilitando - refere - que as meninas possam ter lábios vaginais grandes, voz grossa e pêlos faciais. Enfim, tudo o que - como refere num artigo na revista 'Anais da Academia de Ciências de Nova Iorque', - considera indícios da homossexualidade provocados por uma hiperplasia supra-renal congénita.

Apesar de já a aplicar, a injecção de dexametasona não está aprovada pela Food and Drug Administration (FDA), entidade americana reguladora do sector. New luta pelo reconhecimento e invoca um estudo com 26 grávidas na Suécia (que não deu em nada).

Segundo João Manuel Oliveira, psicólogo social, "não é possível considerar a orientação sexual como algo passível de cura". "É preciso perceber que a ciência não está aí desde os anos 70 e que a homossexualidade não é considerada doença ou patológica para as instituições de referência", explica o investigador do Instituto Birbeck da Universidade de Londres.

"Este 'tratamento' baseia-se em fundamentos do século XIX", diz Oliveira, frisando que "é eticamente desadequado". "Para lá do absurdo que é pressupor uma continuidade perfeita entre género e sexualidade, como se as lésbicas fossem todas masculinizadas e como se a masculinidade de uma mulher fosse um problema".

"A ideia de prevenir o nascimento de mais lésbicas trata-se de um total absurdo. A eugenia presente neste engodo a dinheiro fácil deveria ser absolutamente contestada pela ciência e radica num modelo assustador de heterossexualidade preventiva, que, claro, culminará numa falha", conclui.

Certo é que New, também pediatra, reduz as lésbicas a hormonas e a lábios vaginais confudíveis com pénis, mas não responde a questões como: se uma lésbica durante anos toma pílula, rica em estrogénio, porque não o deixa de ser. Nem responde ao facto de uma mãe, Jenny Westphal, de 24 anos, sujeita à injecção antilésbica, queixar-se de que a filha de três anos apresenta vários problemas de saúde. Inclusive uma fome desmedida.
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
sexyboy
sexyboy
Destaque
Destaque

Masculino Touro Búfalo
Primaveras Primaveras : 35
Mensagens Mensagens : 152

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum