Fórum Sexualidade
Olá, Convidado, seja bem-vindo ao Fórum Sexualidade.

Aqui você terá espaço para falar sobre diversos temas da sexualidade humana sem tabus, podendo compartilhar e aprender com todos os outros membros.

Além disso, você encontrará diversas discussões e informações sobre os mais variados temas da atualidade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se, participe das discussões.

Este fórum é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox 3.6 com a resolução de tela 1024 x 600 ou superior.

Divulgue-nos também.
Atenciosamente,

Equipe do Fórum Sexualidade.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Painel do Usuário
Convidado


PAINEL DE USUÁRIO




MENSAGENS PRIVADAS
Últimos assuntos
» Site que envolve arte e sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:42 por strubloid

» Arte mais sexo
Qui 30 Jul 2015, 08:40 por strubloid

» Sou doente ou ele já não me quer?
Ter 14 Jul 2015, 09:22 por rqhb

» Mulheres mais velhas gostam mais de sexo do que as mais novas, diz estudo
Sex 24 Abr 2015, 20:08 por Elisa Margotte

» Seguro de mais a ejaculação e acabo não gozando!
Dom 22 Fev 2015, 03:45 por Magusto

» Pílula
Qui 05 Fev 2015, 19:21 por Sofia Matias

» Mostrar o corpo na webcam para ganhar um Dinheiro Extra
Qua 28 Jan 2015, 12:20 por PixudoTesudo

» Preocupação dupla...
Qui 27 Nov 2014, 15:57 por Victor13

» Daniel Denardi, ao seu dispor
Qui 02 Out 2014, 20:56 por dandenardi

Votação

O que pensa sobre aborto:

27% 27% [ 12 ]
11% 11% [ 5 ]
11% 11% [ 5 ]
50% 50% [ 22 ]

Total dos votos : 44

Novidades do Blog
Veja também
Formspring.me

OrkutTwitter

Cantinho da Éris
Visitas

PageRank
Donde vêm

Jovens de hoje tendem a ser furtivos no sexo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Jovens de hoje tendem a ser furtivos no sexo

Mensagem por Ricardo em Sab 18 Set 2010, 12:12

O professor catedrático espanhol em Psicologia da Sexualidade, Félix Lopez, defende que a proibição não soluciona o problema da sexualidade juvenil

Félix Lopez, investigador da Universidade de Salamanca, Espanha, disse ontem, em Aveiro, que “os valores que estamos a incutir nos jovens de hoje estão a torná-los mais furtivos no relacionamento sexual”. Em contraposição, questionou-se, da plateia, se se deve então facilitar as relações sexuais nos adolescentes.
O professor catedrático espanhol em Psicologia da Sexualidade não tem verdades absolutas, anotando que a “iniciação sexual varia de país para país e de época para época”. Uma coisa é certa, garante, “quanto mais jovens, mais os riscos”, por isso este tende a ser um tema muito próximo da “moral”. “É um tema cultural”, admite.
Hoje, acrescentou, “estamos nos antípodas do que sucedia nos anos 80 do século XX, em que se dia que a sexualidade estava ligada ao síndroma da proibição, juntamente com as drogas”.
Félix Lopez lembrou que “o que é proibido não pode funcionar bem”. O investigador espanhol falava durante o seminário sobre Educação Sexual que teve ontem lugar no auditório do Departamento de Ambiente e Ordenamento da Universidade de Aveiro.
Resultado de uma parceria entre a Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica e a Associação para o Planeamento da Família, este encontro reuniu professores de todo o país.
Duarte Vilar, director executivo da Associação para o Planeamento da Família, explicou que “até há pouco tempo, a educação sexual era um tema de discussão, mas não era integrado nas políticas educativas, pelo menos de uma forma clara”. A primeira lei que instituiu a educação sexual é de 1984, mas nunca foi regulamentada nem integrada nas políticas do ministério da educação.
Fonte
avatar
Ricardo
Aprendiz
Aprendiz

Masculino Capricórnio Cobra
Primaveras Primaveras : 27
Mensagens Mensagens : 60

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum